Gato de SC faz sucesso e tem milhares de seguidores nas redes sociais

As aventuras de um gato de Chapecó, no Oeste catarinense, o Gato Miu, conquistam milhares de fãs nas redes sociais. O bichano soma, entre Twitter, Facebook e Instagram, 187,1 mil seguidores.

Com três anos, o felino sem raça definida foi doado à universitária Karoline Freitas, de 21 anos, ainda filhote e não demorou a aparecer no Twitter da garota. “As postagens com fotos dele fizeram tanto sucesso que achei divertido criar um perfil só para ele”, contou.

No início, apenas pessoas próximas a Karoline curtiam o perfil do gato, mas à medida que as publicações foram compartilhadas, a fama do bichinho tomou grandes proporções. Ao chegar aos 20 mil fãs, Karoline resolveu criar um perfil para o gato no Instagram.

“Quando chegaram a mais ou menos 15 mil seguidores no Instagram, me dei conta de que os usuários do Face nem sempre estão no Twitter e no Instagram’, relatou.

Foi então que os posts que mais repercutiram nas duas plataformas passaram a ganhar ‘likes’ também no Facebook. Atualmente, o Gato Miu tem 99,2 mil seguidores no Twitter, 22,6 mil no Instagram e 65,3 mil no Facebook.

Para tanto sucesso, Karoline tem uma explicação: “Acho que são as caretas nas fotos e o jeitinho dele que encantam as pessoas. Miu é um gato arteiro, cheio de manias, como todo gato, mas muito carinhoso. Ele adora dormir, passear, deitar na grama, ver passarinhos e, claro, de comer”, contou.

SOCORRO UM MINI HUMANO EM CIMA DE MIM #zeedogmafiahalloween

A post shared by Miu, Mu & Morcega (@gatomiu) on

Miu costuma passear com Karoline e o namorado na praça do centro de Chapecó e já começa a ser abordado pelos fãs. “Ele já foi reconhecido na rua e as pessoas ficam muito surpresas porque não sabem que ele é de Chapecó. Duas fãs também vieram aqui em casa para brincar com ele, tirar fotos”, relatou.

Miu divide a atenção de Karoline com dois outros gatos: Mu, que é preto e branco, e Morcega, que é preta. “Eles são irmãos de criação, adotamos o Mu para fazer companhia ao Miu que estava muito sozinho, depois veio a Morcega, que foi resgatada da rua. Eles se dão muito bem”, afirmou.

Apesar de tanto sucesso, segundo Karoline, Miu mantém uma vida tranquila com a família: “Ele continua solteiro, apesar de surgirem muitas candidatas nas redes sociais. Tem sempre alguém perguntando: ‘será que o Miu não quer namorar minha gata?’”, divertiu-se a universitária.

Em dois anos de postagens nas redes sociais, Karoline consegue definir o comportamento do público do gato: “Os seguidores são muito queridos, dão muito apoio em tudo, são muito fieis. Aqueles que o Miu encontrou pessoalmente ele curtiu bastante, ele adora carinho e atenção. É um gato muito sociável, quase uma celebridade”, brincou.